Aeronaves bimotor e monomotor, quais as diferenças ?

bimotor e monomotor

Quais as diferenças entre aeronaves monomotor e bimotor?

Aeronaves monomotor possuem apenas um motor, são menos complexas para os operadores e equipes de manutenção. Já as bimotor possuem dois motores, são mais complexas para os operadores e equipes de manutenção.

 

O que é o monomotor ?

As aeronaves monomotoras possuem um único motor, um pistão de compressão. Normalmente utilizam a gasolina (ou AVGAS) em geral. O monomotor possui uma complexidade muito mais simples que os aviões bimotor, diminuindo a manutenção de sistemas elétricos, mecânicos e hidráulicos, reduzindo os custos operacionais. Algumas aeronaves monomotoras podem alcançar a velocidade de 500 KM/H ou mais.

 

O que é o bimotor?

Os aviões bimotor possuem dois motores alimentados por gasolina (ou AVGAS). Em geral essas aeronaves são mais complexas de operar e de sustentar, do que as aeronaves monomotoras. A vantagem desta aeronave é a flexibilidade e compatibilidade para viagens noturnas e para sobrevoar áreas mais remotas, como florestas e desertos.

 

Qual é o mais veloz, bimotor ou monomotor?

Precisamente, um avião bimotor, não gera mais velocidade do que um avião monomotor. Muitas aeronaves possuem velocidades aerodinâmicas muito próximas entre si. Entretanto, as aeronaves não são escolhidas na maioria das vezes por serem mais veloz, cada empresa busca atender suas demandas de acordo com as suas necessidades.
O mau cuidado com estes motores explica claramente a alta incidência de falhas ocorridas em diversos casos, causando mais acidentes.  Muitos operadores não necessariamente optam com mais velocidade, muitos preferem analisar o histórico de acidentes, simplicidade de manutenção, são fatores de extrema importância.

Qual é a mais segura?

Atualmente, após a segunda década do século XX, a confiabilidade dos aviões monomotor são maiores devido a alta certificação dos profissionais da área, assim como, monitoramento de desempenho, técnicas de ensaio, e manutenções preventivas os tornam tão seguros quanto bimotor.

É muito difícil argumentar e provar estatisticamente que aviões bimotor são mais seguras que monomotor, ou vice e versa. Um documento produzido pela Associação de Operadores e Pilotos de aeronaves (AOPA), indicou que os números de acidentes com aeronaves monomotores eram superiores aos bimotores, pelo fato de que são a maioria. Por sua vez, para cada dez acidentes, apenas um gerava fatalidade. Enquanto as aeronaves bimotoras causam a morte de 50% dos acidentes, embora sejam em menor quantidade, lamentavelmente as falhas de motor em voo contribuíram em 40% dos acidentes no Brasil.

Qual é o mais veloz, bimotor ou monomotor?

Precisamente, um avião bimotor, não gera mais velocidade do que um avião monomotor. Muitas aeronaves possuem velocidades aerodinâmicas muito próximas entre si. Entretanto, os aviões não são escolhidas na maioria das vezes por serem mais veloz, cada empresa busca atender suas demandas de acordo com as suas necessidades.
O mau cuidado com estes motores explica claramente a alta incidência de falhas ocorridas em diversos casos, causando mais acidentes.  Muitos operadores não necessariamente optam com mais velocidade, muitos preferem analisar o histórico de acidentes, simplicidade de manutenção, são fatores de extrema importância.

 

Quais aviões aguentam mais peso?

Conclusivamente, os aviões bimotor elevam a capacidade de carga. Infelizmente, após muitas experiências em acidentes, os estudos de profissionais mostraram que quanto mais conhecimento do assunto, mais segura serão os aviões e a expectativa de melhorias entre elas, independentes de monomotor ou bimotor, continuam a se elevar. Uma questão que influencia bastante é que um motor bem cuidado vale mais do que dois malcuidados e essa escolha normalmente ocorre por falta de recursos técnicos ou a cultura da aeronáutica.

 

fontes

https://aeromagazine.uol.com.br/

https://pt.wikipedia.org/